A PLATAFORMA METODOLÓGICA DO CUSTEIO BASEADO EM ATIVIDADE E TEMPO (TDABC) NO ÂMBITO DA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE RECICLAGEM DE PLÁSTICOS

Francisco Isidro Pereira

Resumo


Há uma falsa ideia de que os modelos de gestão disponíveis são incompatíveis com estruturas empresariais de frágeis sustentação administrativa. Não obstante, qualquer que seja o ângulo de visão de funcionamento de uma empresa, ela é constituída de um conjunto de atividades, as quais são regidas por gastos. Sob esse raciocínio, a teoria disponibiliza meios de explicitar tais atividades e identificar os recursos e os gastos decorrentes. A plataforma metodológica do custeio baseado em atividades e tempo (TD-ABC), é um dos métodos mais requintado. Sob essa perspectiva, decidiu-se contrastar o modelo delineando a pergunta condutora da investigação: quão preciso é a medição dos gastos do processo de reciclagem de plástico de uma unidade empresarial. Portanto, o objetivo descortinado foi aferir a precisão da lógica do método TD-ABC na apuração dos gastos decorrente do processo de reciclagem de plástico pós-consumo. O método do case research foi o adequado, e a coleta foi baseada em entrevistas semiestruturadas e observação seletiva. A configuração do modelo se mostrou simples e de fácil entendimento, sendo possível proporcionar insights quanto às oportunidades para melhorias operacionais.


Palavras-chave


Modelagem TDABC; Reciclagem; Setor de plástico

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.12662/2359-618xregea.v6i1/2.p177-195.2017

Direitos autorais 2017 Revista Gestão em Análise

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.
Unichristus 2016. Todos os direitos reservados.