MODELO PARA ESTUDO DE NEGÓCIOS SOCIAIS À LUZ DA PSICODINÂMICA DO TRABALHO: METODOLOGIA QUALITATIVA PARA PESQUISAS SOBRE VIVÊNCIAS EM ORGANIZAÇÕES DE IMPACTO SOCIAL

Diana Maria Goiana Alves, Ana Cristina Batista dos Santos

Resumo


O artigo apresenta uma proposta metodológica qualitativa para estudo do construto Negócio Social à luz da Psicodinâmica do Trabalho. Parte da identificação de uma variedade não consensual de conceitos que envolvem os Negócios Sociais e os estuda pelas lentes da Psicodinâmica do Trabalho, considerando as dimensões de contexto (condições de trabalho, organização do trabalho, relações de trabalho) e de conteúdo (carga psíquica, prazer-sofrimento, estratégias de defesa) dessa teoria. O objetivo do artigo é propor um framework metodológico para pesquisas qualitativas em Psicodinâmica do Trabalho, considerando as especificidades dos Negócios Sociais. Apresenta uma proposta de campo baseada na entrevista narrativa, de natureza exploratória, com uso de tópicos-guia centrados na tríade vivências, pensamento, sentimento; utilização de elementos-estímulo como ferramenta projetiva; e a análise dos núcleos de sentido como técnica de análise. O artigo contribui com a área dos métodos qualitativos, ao exemplificar uma espécie de “projeto de artesanato metodológico”, ao mesmo tempo “customizável” e replicável, para pesquisas que consideram a indissociável relação teoria-objeto-método.


Palavras-chave


Negócio Social; Psicodinâmica do Trabalho; Pesquisa Qualitativa

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.12662/2359-618xregea.v7i1.p106-117.2018

Direitos autorais 2018 Revista Gestão em Análise

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.
Unichristus 2016. Todos os direitos reservados.