De algumas categorias teórico-metodológico-jurídicas: um diálogo pós-disciplinar

Paulo Ferreira da Cunha

Resumo


Este é um ensaio jushumanista pós-disciplinar, bebendo longinquamente na metodologia dos ensaios de Montaigne e Bacon e na pós-disciplinaridade de Gonçal Mayos e em sua escola. Este estudo pretende trazer à superfície elementos de Teoria e Metodologia do Direito nem sempre apercebidos e sublinhados, numa ótica perspetivista e crítica. Além disso, passa em revista questões, como a Aporia, o Tempo e o Modo, o problema da Teoria e vários tipos de abordagens metodológicas. Este é mais um levantamento para fazer pensar do que para doutrinar e fornecer dogmas pré-fabricados.


Palavras-chave


Aporia; Simbologia jurídica; Metodologia Jurídica; Teoria do Direito; Alienação; Crítica

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.12662/2447-6641oj.v17i25.p203-220.2019

Direitos autorais 2019 Revista Opinião Jurídica (Fortaleza)

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.
Unichristus 2016. Todos os direitos reservados.